segunda-feira, 22 de junho de 2015

Getúlio Targino: Borboleta Azul

Getúlio Targino: Borboleta Azul: Fiquei olhando aquela borboleta azul, com tons de amarelo nas pontas das asas... Ela se parecia muito com meu olhar. Não na...

domingo, 3 de maio de 2015

★ °:. *. • ○ ° ★☾ . *:. * ★ O amor não se comprova com palavras, o amor é demonstrado com atitudes de fidelidade. Chinelato

 


★☾ . *:. Amor ★☾ . *:.



"O amor causa danos quando o que damos vai envenenado com os nossos próprios fantasmas."

★ Simples assim



A cura está nos pequenos gestos, feitos por laços fortes. Porque hoje em dia um bocado de ternura é artigo de luxo, encontrado em corações de rara beleza.






Há momentos em que só a força de vontade não é suficiente para nos impedir de fazer algo. O cansaço pode acabar nos sabotando.





★ °:. *. • ○ ° ★ Laços


terça-feira, 23 de novembro de 2010

Casa Própria



O velho pedreiro

Um velho pedreiro que construía casas estava pronto para se aposentar.
Ele informou o chefe, do seu desejo de se aposentar e passar mais tempo com sua família. Ele ainda disse que sentiria falta do salário, mas realmente queria se aposentar.

A empresa não seria muito afetada pela saída do pedreiro mas o chefe estava triste em ver um bom funcionário partindo e ele pediu ao pedreiro para trabalhar em mais um projeto como um favor.
O pedreiro não gostou mas acabou concordando. Foi fácil ver que ele não estava entusiasmado com a idéia. Assim ele prosseguiu fazendo um trabalho de segunda qualidade e usando materiais inadequados.

Foi uma maneira negativa dele terminar a carreira. Quando o pedreiro acabou, o chefe veio fazer a inspeção da casa construída.  Depois deu a chave da casa ao pedreiro e disse:
"Esta é a sua casa. Ela é o meu presente para você".
O pedreiro ficou muito surpreendido. Que pena! Se ele soubesse que estava construindo sua própria casa, teria feito tudo diferente....

O mesmo acontece conosco. Nós construímos nossa vida, um dia de cada vez e muitas vezes fazendo menos que o melhor possível na sua construção.
Depois, com surpresa, nós descobrimos que precisamos viver na casa que nós construímos. Se pudéssemos fazer tudo de novo, faríamos tudo diferente.
Mas não podemos voltar atrás.
Tu és o pedreiro. Todo dia martelas pregos, ajustas tábuas e constróis paredes. Alguém já disse que:
"A vida é um projeto que você mesmo constrói".



Pense e lembre-se:


  • Nunca é tarde para fazermos o melhor. Mesmo quando o tempo aponta para outra direção, a saúde não mais esteja tão boa, as emoções se apresentem adoecidas e as atitudes ao redor não sejam as desejadas, sempre haverá a oportunidade de termos a recompensa. 
Trabalhe como se não precisasse do dinheiro. Ame. Sonhe como se nunca tivessem lhe magoado antes. Dance como se ninguém estivesse olhando. 


Postado por: Esper@nç@ & S@bedori@


    quarta-feira, 10 de novembro de 2010

    Hino da Vida










    A vida é um palco.
    Mas ser o protagonista de tal peça requer sonhos.
    Sonhos de ser e ter.
    Ser amado
    Ser amigo
    Ser alguém
    Ter. Ah! Ter
    Ter atenção
    Carinho
    Amor e não amores
    Ter. Não só momentos
    Mas ser os momentos desse TER;

    Amar, mas amar por amor
    Saudade. Ter saudade
    Ser saudade;
    Desejo não só desejo
    Ser desejada e ter desejos

    Sonhar. Sonhos
    Sonhar os sonhos de Deus,
    Ter sonhos
    Ser sonhos
    Acordar nos sonhos
    Quem sabe nos sonhos de alguém
    Ser os sonhos de alguém
    Ter alguém, não só em sonhos.

    Viver. Oh! Viver?
    Viver os sonhos de DEUS
    Compartilhando
    Momentos
    Sentimentos
    Verdades


    Assim como um amante sem amor
    Embarco rumo ao nada
    Ou quem sabe ainda não sei meu porto seguro
    Minha chegada
    Coração sem rumo..
    Sonhador
    Talvez inocente
    De adolescente
    Mas ouso sonhar
    Quero amar.

                                                                                                                   Por: Fátima Oliveira

    sábado, 25 de setembro de 2010

    LÁGRIMA




    Só mais uma lágrima me resta.
    Lágrima.
    De saudade
    De dor
    De choro
    De perda
    De solidão
    De você

    Mas alegro quando penso amei
    Do meu jeito
    Mas amei.

    Sonhei
    Oh! Como sonhei
    Quis, mas não tive
    Ah! Só me resta uma lágrima.
    Lágrima que sente teu novo amor.
    Lágrima que sabe ficar feliz
    Com tua felicidade.

    Lágrima que encontra força para lutar
    Lutar
    Por um sonho
    Por melhores dias

    Por um amor
    Que seja o seu
    Será?
    Se não for
    Amarei
    Quem? Não sei.
    Serei amada.
    Quando?
    Ah! Serei.
    Não tem nexo
    Mas pra que?
    È só uma lágrima
    Só mais uma lágrima.
    Por: Esper@nç@&S@bedori@

    quinta-feira, 23 de setembro de 2010

    Pensamentos





    Recuso-me a entender certas coisas
    Recuso-me, a ver certas coisas.
    Ou será que me recuso a entender, saber ou ver.
    Essas certas coisas?
    Dizem os poetas que quanto se ama tudo faz sentido, será?
    Na minha humilde concepção do  que venha ser o amor acredito que palavras acalentam, afagam e alucina nossas carências, mas o diferencial perpassa pela virtude de se ter atitude.

    Atitude de nada cobrar, há não ser lealdade
    Atitude de não sufocar, há não ser dar liberdade
    Atitude de não saber, tudo e ser cúmplice
    Atitude de ouvir e não apenas ser ouvido
    Atitude de doar sem cobrar
    Atitude de amar sem hora marcada sem receitas prontas.
    Atitude de extravasar sentimentos,
    Atitude de não só prometer, mas cumprir.
    Atitude de olhar a pessoa amada com o olhar da alma que ama.
    E não com os olhos de quem apenas só requer atenção pra si.
    De quem supõem que só seu amor faz a diferença.

    Que carinho e caricias tem hora e lugar.
    Que na solidão do seu eu o outro de realiza.
    Que somente seu peculiar saber merece os melhores conceitos.
    Que seus conhecimentos litúrgicos, literários e acadêmicos são suficientes pra si e outrem.
    Que o mero conhecimento ou conceitos do outro são apenas meros nada, além disso.
    Que o ouvinte de suas homéricas teorias é apenas ouvinte.
    Creio em milagre. Milagre vindo do Altíssimo Deus e meu milagre chegará.
    Milagre de viver a plena solicitude de um amor.

    Quero viver não de sonhos, mas momentos calmos, serenos, aconchegantes, literalmente sem subjugo do que nada sei ou nada sou, não apenas ser ouvinte e cumpridora de regras.
    Existe amor de promessas,
    Assim como existe amor que não cumpre promessas
    Existe amor que só cobram
    Assim como existem amor que se doam
    Existe amor egocêntrico
    Assim como existem amor mútuos
    Existe amor com razões
    Assim como existem amor com permissões
    Existe amor que sabe tudo
    Assim como existem amor que quer tudo
    Existe amo que são amor
    Assim como existe amor que quer ser só amor.
    Existe amor que só ver a si
    Assim como existe amor que enxerga com a alma
    Existe amor que ama só ele
    Assim como existe amor que ama o outro como ama a si.

    Sabe?

    Não vou mais parar a minha vida
    Porque o que desejo não acontece,
    Porque não ouço o que gostaria de ouvir.
    Vou fazer meu momento...
    Vou ser feliz agora...
    Terei outros dias pela frente!!!
    Nunca mais darei muita importância aos problemas que não tenho conseguido resolver.

    Apresento a eles a solução DEUS
    A cada amanhecer, vou agradecer a Deus, todos os dias por me dar forças para viver,
    Apesar de tudo.
    Chega de sofrer pelo que não consigo ter, pelo que não ouço.
    Só vou pensar no que tenho de bom.
    Vou ser eu mesma.
    Não vou tentar ser um modelo de perfeição.
    Não vou sorrir sem vontade ou falar palavras amorosas por que acho que sei o que os outros querem ouvir.
    Vou viver minha vida,

    Entendendo que viver é atravessar desertos fora de si, mas sendo capaz de encontrar um oásis no recôndito da alma.
    Sabendo que DEUS já mais esquece um filho seu.
    E quando estamos dispostos a aceitar o que Deus tem como promessas todas as demais dificuldades ou adversidades se tornam aprendizados.
    Vou viver e você?

     Por: Esper@nç@ &S@bedori@

    FELICIDADE




    A felicidade não para...
    Não morre nunca
    Não é estática
    Nem tão profunda.

    Está exatamente onde quero que esteja
    Pode ser num amor, como também
    Pode ser, em sentir-me livre dele!

    A felicidade é oriunda... Construída
    De um mundo de sentimentos
    É o somatório de pequenos grandes momentos!

    Hoje o dia amanheceu contente
    O que ontem era só tristeza, como num sopro
    Tornou-se alegria, deixei de lado o desgosto
    Para olhar rumo ao desconhecido
    De peito aberto a ser flechado
    Quem sabe até ferido.

    Se tenho medo?
    Lógico, mas, não importa o tamanho do medo
    Se, bem maior é esse meu desejo
    De ser feliz... Porque a vida não para!

    Postado por: Esper@nç@ & S@bedori@


    domingo, 19 de setembro de 2010

    Respostas




    Quantas interrogações sem respostas nessa vida.
    Apenas temos a certeza, de que DEUS nos ama e está sempre do nosso lado.
    As maiores interrogações do ser humano são:
    Por andarás tu minha cara metade?
    Minha alma gêmea?
    Será que existe amor além das fronteiras?
    Quando vou viver essa plenitude de amar? Será que amo a pessoa certa ou errada? Será que sou amada (o)?
    Interrogações, muitas vezes sem respostas.
    Até sabemos as respostas, mas as emoções e sonhos relutam e não nos deixam acreditar.

    Respostas, por onde você anda que ainda não há encontrei. Hum!! acho que ainda não o aceitei.
    Por: Esper@nç@ &S@bedori@

    ''Anjos''




    Como anjo as pessoas entram em nossas vidas, e ficam sondando e alimentando nossos mais íntimos desejos.
    Há como são intenso e profundo os afagos que recebemos na alma. Vivemos momentos de pura adolescência, que sem compromisso se entregam aos devaneios da emoção do amor.
    E descobrimos que estamos vivos que precisamos mudar de vida.  Alimentamos e depositamos nossas esperanças e até  sonhos em prol desse anjo.
    Mas sem hora marcada ele resolve sondar outros corações, conhecer e alimentar novas esperanças.
     Mas anjos são assim mesmo, sempre existirá  alguém que precisa de um melhor afago e atenção.
    Porém nos resta caminhar com as lembranças dos afagos, dos momentos, das palavras, das promessas que como um arquivo sagrado ele se encarregou de lacra na nossa alma. Ainda bem que deixou.
    Por: Esper@nç@ & S@bedori@  

    Flores..Perfumes..Espinhos..





    No jardim da vida muitas vezes cultivamos  variedades de flores, cada uma  com sua beleza e perfume bem particular. 
    Algumas possuem espinhos, e na busca da defesa, deixam marcas cravadas na pele. Mas muitas dessas marcadas ultrapassam e se acomodam no leito sagrado da alma.
    Como arrancá-las? Se elas insistem em crescerem e nos lembram a cada dia seu perfume e seus espinhos.
    Somente quando regamos- as com a sublime água do amor, podemos nos livrar de tais espinhos e sentir o aroma suave e inebriante  das mais belas flores da vida.

    ''Os amores profundos cultivam-se no jardim do silêncio’’.

    Por:  Profª Maria de Fátima B. de Oliveira

    Tempo..Tempo




    Saber viver é saber entender, aceitar e acreditar que acima de tudo DEUS está agindo.
    Em cada momento vivido aprendemos a ter fé, esperança e ser pacientes.
    Fé em DEUS,
    Esperança de novas atitudes e realizações e ser pacientes.
    Será que somos? Creio que a maioria do ser humano esta cansado de ser paciente.
    Paciente em esperar o amor que não vem.
    O carinho que já não existe entre as pessoas,
    A amizade que não se renova e muitas vezes nem a temos.
    O afago aconchegante que hoje é ausente,
    O que dizer das palavras confortantes se perdeu  no vento.
    Mas temos a certeza que DEUS existe.
    É real e no seu tempo que não é o nosso todo tempo perdido e sonhado se fará presente.
    Autora: Profª Maria de Fátima B. de Oliveira

    quinta-feira, 16 de setembro de 2010

    ONDE ME PERDI VOCÊ









    Onde me perdi de você!



    O ser humano não é nômade


    Mesmo quando sonha


    Sendo andante quer uma parada


    Parado quer abrigo


    Tendo abrigo.


    Quer aconchego


    No aconchego


    Quer carinho


    No carinho


    Quer abraço


    No abraço


    Quer um toque


    Com o toque


    Ah! O desejo


    No desejo


    Perde-se.


    Onde me perdi de você?


    Esper@nç@S@bedori@

    segunda-feira, 6 de setembro de 2010

    Meus rabiscos e rascunhos






    ‘’Finges que me vê, finjo que acredito. Finges que sonhas comigo, finjo que acredito. Finges que me ama. Eu amo.’

    'As palavras de um poeta são verdades da alma expressa em versos'


    'Gostaria de ser a lua, o vento, a borboleta, mas por agora prefiro ser eu mesma''


    'Posso não ser o mais doce.. doce, nem pretendo, mas sou verdadeira quando me apresento à vida'


    'Que tua realização seja a razão da tua felicidade'


    ''Se não fosse um detalhe, o todo não existiria..''


    ''Você nunca conhecerá suficientemente uma pessoa, até que ela lhe surpreenda''..


    ''Não ame somente as experiências de uma mulher. Ame a MULHER'.''


    '' Não julgue o silêncio do outro, quando foi você quem provocou.''


    '' A curiosidade é arma que a vida nos oferece pra desafiar a oportunidade da descoberta.''



    '' Ontem não vistes, hoje nem me ouvistes e amanhã. Lembrarás de mim.''

       ''Para ouvir a voz de DEUS.. baixe o volume do mundo.''




    Autora dos rabiscos e rascunhos: Profª: Maria de Fátima B. de Oliveira

    Coitado










    Coitado!!!!

    Tema meramente sugerido por: Oziel Alexandre Bispo
    Autora: Profª Fátima


    Dizem que coitado é alguém sozinho.


    Sem nada.

    Sem ninguém.

    Sem sonhos.

    Sem vida.

    Penso diferente.

    Somos todos coitados e carentes.

    Do que, às vezes não sei.

    Mas somos.

    Coitados de sonhar e só sonhar.

    Coitados de quer e não ser querido.

    Coitados de dar e nunca receber.

    Há, e carentes de buscar e nunca achar.


    Profª Maria de Fátima B. de Oliveira

    Palavras e atitudes


    Palavras e Atitudes


    A vida é uma escola de carteiras fortes, mas a indiferença do homem às vezes as quebra.
    Quebra com uma ferramenta cruel. ’’ Descaso, engano, mentiras e trapaças. ’’
    Onde na ânsia de satisfazer ‘’desejos’’ causam danos irreversíveis
    Nunca espere recompensa de quem lhe promete felicidade.
    Certas felicidades são pura utopia. Agradam a carne e vilipendiam alma.
    Palavras de acalento nem sempre fluem do coração.
    Palavras o sopro do vento as levam
    Atitudes fazem a diferença
    Atitudes ensinam o homem amar ou aprender.
    Amar com um amor significativo
    Aprender a perceber intenções.
    O que amamos nem sempre nos é permito por Deus.
    Por serem meros amores de momentos.
    Sonhos que se tornam pesadelos.

    O segredo de reconhecer recompensas
    Perpassa pelo a virtude da sabedoria e discernimento
    Palavras expressam sabedoria
    Discernimento atitude.

    Ame com a intenção de amar
    Fale com o coração
    Olhe com os olhos da alma.
    Deseje além de só desejar.
    Sonhe, não apenas sonhe.
    Descubra no outro.
    Palavras, atitudes.


    Autora: Esper@nç@ &S@bedori@[Profª Maria de Fátima]

    Os ouvidos da minha alma


     Os ouvidos da minha alma
    Autora: Profª Maria de Fátima




    Meu silencio tem segredos que somente os ouvidos de minha alma podem escutar

    Eu gostaria de gritar ao mundo a dor que sinto por um amor perdido

    Por uma lágrima caída

    Uma saudade doída

    O choro da solidão

    Pelas lembranças vividas

    E pelos sonhos perdidos

    Beijos e abraços esquecidos

    Palavras colocadas ao vento

    Ventos sem direções perdidos nas ilusões

    E todas as dores guardadas no coração



    Mas também quero gritar os momentos alegres os beijos loucos e eternos

    Os gritos de alegria choros de solidão os momentos de prazer

    Alegrias que são como flores na primavera

    Que exalam perfume quase sem direção

    Mas como posso fazer

    Se meus ouvidos se cansaram de ouvir

    Eu preciso de alguém para parar minha boca de gritar

    Alguém que saiba me escutar

    Que saiba me entender



    Que queria amar

    Mas me sinto sozinho neste mundo vil e cruel

    Onde todas as pessoas têm ouvidos

    Mas não sabem escutar com a alma

    E então permaneço nesse meu silencio.

    segunda-feira, 29 de março de 2010

    Atitude







    ATITUDE




    Um dia, eu perdoei meu inimigo

    e fui forte…

    No outro eu pedi perdão

    e fui grande.

    Um dia, mostrei minhas razões e fui eloqüente…

    No outro, ouvi meu próximo

    e fui humano.

    Um dia, lutei pela minha causa

    e fui bravo..

    No outro, lutei pela causa alheia

    e fui gente.

    Um dia, batalhei pelo que queria

    e fui perseverante…

    No outro, dividi o pão

    e fui rico!

    Um dia, recebi aplausos

    e fui admirado…

    No outro, fiz o bem em silêncio

    e os anjos me aplaudiram.

    Um dia, usei a inteligência

    e fui respeitado…

    No outro, usei o coração

    e fui amado!Quando me dei conta minha vida mudou quando mudei minhas atitudes diante da vida e dos fatos.

    O que restou? Amizade?



    Ontem amor!
    Hoje amizade?




    Ontem, éramos o reflexo do mais sublime amor.
    Hoje, bons amigos.
    Ontem, o amor fazia parte do meu e teu mundo
    Hoje, nos basta um como estás?
    Ontem, palavras iam e vinham como plumas.
    Hoje, desejo lhe felicidades.
    Ontem, carinhos e afago regavam nossos corpos.
    Hoje, nem um aperto de mão se faz presente.
    Ontem, o sonho era a razão do nosso futuro.
    Hoje, até mais parece nos bastar.
    Ontem, há ontem o amor, há o amor.
    Hoje, hoje nem sei se amanhã o vejo.
    Mas a solicitude de uma amizade é tudo.
    È tudo que por enquanto nos resta.
    Enquanto você ainda se lembra do amor.
    Do amor que em meras palavras foi mencionado
    E não vivido.
    Mas como humanos meros humanos.
    Propusermo-nos apenas sermos amigos
    Amigos até quanto?




    Autora: Profª Maria de Fátima B. de Oliveira
    Março/2010

    Engraçado



    Engraçado!


    Engraçado, como as pessoas entram e saem da nossa vida como estivesse passando numa rua qualquer.
    Engraçado, como confiamos nas palavras e deixamos nossos valores sufocados.
    Engraçado, como deixamos que pessoas compartilhassem de nossos sonhos.
    Quando na verdade nem de seus pesadelos fazemos parte.
    Engraçado, tudo isso.
    Mas deixa de ser engraçado quando somos comparados a uma bola, sendo jogados de canto para outro, sem pretensão de gol.
    Porém tudo passa a ter graça quando percebemos que a vida contínua. E que Deus nos conforta e supre-nos de maneira sobrenatural, da graça que ninguém encontrou em nós.


    Autora: Profª. Maria de Fátima B. de Oliveira

    ESCOLHI VOCÊ PRA AMAR


    ESCOLHI VOCÊ PRA AMAR

    Sonhei, Deus como sonhei viver um amor, fiel, verdadeiro, cúmplice.

    Sonhei como sonhei ter esse amor horas e noites de mil maneiras.

    Sonhei, há como quis tê-lo.

    Sonhei, perdi noites de sonos sonhando com esse amor.

    Sonhos que em pouco tempo o pesadelo da infidelidade,

    Da mentira, da falta de confiança me tragou.

    Tragou meus sonhos de um amor tão sonhado.

    Mas como tudo na vida tem seu propósito.

    Ou melhor, Deus conhece o propósito de tudo.

    Restou-me viver esse amor de forma homérica e quem sabe platônica.

    Assim escolhi vivê-lo.

    Tive meses, dias, horas, minutos e segundos que jamais algo ou alguém o tocará.

    Há não ser Deus.

    Pois Esse sim me conhece.

    E sabe o significado de cada suspiro que dou.

    Hoje sei que esse amor é pra ser vivido assim.

    Sem toque, sem caricias, sem sussurros, sem voz.

    Sendo alimentado apenas por lembranças.

    Lembranças essas que sem dúvida acalentaram minha alma.

    Alma doída, mas ao mesmo tempo feliz.

    Feliz em saber que o homem amado busca viver amores sem fronteiras.

    E por amor o deixei ir.

    Percebi que não podia prendê-lo na gaiola dos meus desejos.

    Por amor ouse voar, vá onde o vento te levar.

    Ame, ame, tenha amores, amores sem fronteiras.

    Dê o melhor que você tem a quem deseja sonhar.

    Acaricie mente e corpos com volúpia.

    Peço-ti não pense como você me deixou.

    Pense como estou. Feliz em saber que tuas asas.

    Ti levarão ao céu dos teus desejos.

    Escolhi você pra amar.

    Amar de longe.

    Ter-te sem ti tocar.

    Quem disse que pra amar precisar estar perto?

    Escolhi você pra amar.

    Amar com a alma.

    Amar como nos meus sonhos.

    Amar, amar.

    Escolhi você pra amar.

    Sou feliz em ti amar sem ti tocar.

    Autora: Profª - MARIA DE FATIMA B. DE OLIVEIRA